sexta-feira, 15 de abril de 2016

Hoje é dia do desenhista




Olá!
Numa folha qualquer
Eu desenho um sol amarelo
E com cinco ou seis retas
É fácil fazer um castelo…

Corro o lápis em torno
Da mão e me dou uma luva
E se faço chover
Com dois riscos
Tenho um guarda-chuva…

Música: Aquarela
Composição: Toquinho, Vinícius de Moraes, G.Morra, M.Fabrizio

Cresci ouvindo essa música!T_T E provavelmente, todo dia 15 de abril, vou trazer ela pra cá, por que, né, é um amorzinho essa música! ♥

Bom, comecei o post assim, porque, hoje é o dia mundial do desenhista!

E para entender um pouco mais a data, sai em busca sobre o sentido dela, eu queria saber exatamente porque 15 de abril, e não outra data qualquer.. Aí, encontrei este blog, que diz que simplesmente se marcou essa data como o dia mundial do desenhista como uma forma de homenagear um dos desenhistas mais famosos do mundo, o Leonardo Da Vinci, sim, que nasceu nessa data, em 1452. :)

Depois, fiquei pensando em qual o sentido do desenho pra mim, mas não consegui chegar a uma boa conclusão. Tem uma frase da Clarice Lispector que eu gosto muito (já devo ter citado ela por aqui, antes), que diz o seguinte: "Escrevo como se fosse para salvar a vida de alguém. Provavelmente, a minha própria vida." E isso traduz muito bem um pouco do que eu sinto, tanto quando escrevo quanto desenho. Mas acho que não seria suficiente, para mim, pelo menos, dizer apenas isso dessas duas práticas (o desenho e a escrita). Há algo mais, que não consigo expressar... E pensando bem, talvez seja isso o que transpareça no que eu faço, a expressão dessa coisa que não sei explicar... se é que dá pra entender isso! aiuehauiaieh

Enfim, resolvi trazer alguns rabiscos que tenho feito nesses últimos dias, já que faz um tempinho que não trago nada meu para cá mesmo. Espero que gostem. :)







Como podem ver, ando meio na "vibe" de desenhar num outro estilo, mas sem que saia muito dos padrões do primeiro. E fazer essas versões mais "infantis" e mais "adultas" juntas, tá sendo bem legal. :)

Obrigada por acessar o blog! ♥ 
Me encontre também aqui: 

domingo, 10 de abril de 2016

Artistas no instagram

via: Cupcake


Olá!
Fazia um tempinho que eu não trazia as minhas indicações de artistas no instagram, então, resolvi trazê-los hoje. Aliás, estou planejando um calendáriozinho de posts fixos no blog, mas ainda não tenho nada muito definido. Quando eu conseguir me organizar bem, trarei pra cá, pra cêis bisbilhotarem... :)

Bom, as indicações, desta vez, são mais voltadas para artistas com uma pegada mais lúdica, mas que possam, de alguma forma, nos agregar em algum aspecto, seja no uso das cores, no traço diferenciado ou na poética...

A minha primeira indicação, então, é da Carolina. Ela é uma ilustradora de livros infantis, situada em Paris (a única ocidental desta listinha de indicações). Ela trabalha um pouco com o surrealismo, e a questão onírica do imaginário infantil — o que me chamou mais atenção ao trabalho dela.




Sobre essa segunda indicação, não sei o que dizer, porque a pessoa escreve com aqueles caracteres japoneses (Hiragana e Katakana), então, não sei nem se é menino ou menina. Mas trouxe para cá, porque gosto bastante do uso de poucas cores que ela faz, e gosto muito do uso que ela faz de canetinhas.

Uma foto publicada por 幽ユウ (@crab.000) em

Essa terceira indicação é outra que não sei muito o que dizer sobre ela, a não ser que creio que seja coreana, por causa dos caracteres que ela usa. Conheci ela através de um dos gatinhos que ela retrata, e me apaixonei instantaneamente! T_T Gosto muito desse tom vibrante que tem o trabalho dela, também. São cores que trazem vida ao traço dela.. E acho que ela use pastéis oleosos (que é bem dificil de se usar, na minha opinião)... talvez, misturando com algum outro material.

Uma foto publicada por 전포롱 (@jeon_polong) em

Por último, trago esta indicação, de mais um oriental. Esta pessoa trabalha com aquarela, e tem um traço um pouco mais solto do que os demais — que foi o que me fez trazê-la para cá. Mas gosto também de como ela trabalha com as cores quentes. :)

Uma foto publicada por グッピー (@mjudla) em


E é isso, espero que tenham curtido, pelo menos, um dos indicados! :D

Obrigada por acessar o blog! ♥
Me encontre também aqui:

sexta-feira, 8 de abril de 2016

Falando mais um pouco sobre direitos autorais


Olá!
Vocês já estão carecas de saber que ando estudando e batendo o martelo em cima das questões de direitos autorais, não apenas pela questão moral que isso envolve, como também pela questão da valorização do trabalho autoral que fere, principalmente, os artistas independentes (produtores de trabalhos autorais). Então, hoje vim trazer dois textos que encontrei sobre o assunto para cá, e um audio. :)

O primeiro, na verdade, foi postado lá no grupo da Arte das Mina; intitulado "Pequeno guia de direitos autorais para artistas independentes" escrito pela Laura Athayde no Minas Nerds. Ele é bem básico e simples, mas não aborda a questão das fanarts (até comentei sobre isso com a autora do texto). Eu desconhecia o site dela, mas logo virei fã! Tem muita informação bacana lá! :)

Aproveito o post pra mostrar esse postcast do Visual+Mente (indicação da Ana Blue) que fala sobre direitos autorais também, mas entrando no aspecto mais filosófico da coisa, que é BEM interessante também, apesar de não concordar com algumas coisas que eles falam, eles esclarecem outras tantas questões.

Já o segundo, na verdade, foi a maravilinda da Lili ♥ quem me enviou um link bem bacana sobre produção de arte focada (recomendo a leitura também), escrito pela Tamires Para (outra ilustradora maravilhosa!). E, nele, continha o link que dava para este artigo do Jonathan Bailey, do site maravilhoso Plagiarism Today. Nesse artigo, ele faz algumas considerações que eu não tinha levado em conta em minhas divagações aqui e, como é sempre bom esclarecer as coisas, até para mim mesma, entrei em contato com ele solicitando autorização para traduzir o artigo dele para cá, para o blog, e, assim, poder compartilhar mais informações sobre o assunto aos que têm interesse. :)

Para a minha surpresa, ele respondeu ao meu e-mail quase que instantaneamente, me autorizando, e ainda se dispondo a responder a qualquer dúvida que vocês fizerem aqui!♥ Apesar que eu vi que ele tem uma empresa de consultoria, e acredito que ele cobraria...

Mas antes, aviso que a tradução foi feita meio rápido, em poucos horas, mas procurei ser o mais fiel o que pude (até onde o texto e meus conhecimentos culturais e linguísticos me permitiam). Mas vamos lá! Qualquer coisa, podem me perguntar também. :)

segunda-feira, 4 de abril de 2016

Projeto: 04 on 04

Olá!
Como vocês já sabem, participo de um projeto de ilustrações com outras lindas ilustradoras, o antes chamado 6 on 6. Infelizmente, por motivos pessoais e de imprevistos, duas delas tiveram que sair do projeto, a Liv Muramoto e a Akira Yano. :( A boa notícia é que resolvemos manter o projeto de pé! :)

O tema escolhido para esse mês foi música, que falarei um pouco mais abaixo. 
Antes, vou mostrar algumas das coisas que fiz em Março. Quem me acompanha pelo instagram já deve ter visto elas. E agora também tenho um snapchat! Podem me seguir lá, me procurando por blreys ou biareys.



Bom, se vocês acharam minhas pinturas um pouco diferentes, é porque, bem, elas estão mesmo um pouco diferentes! :D Geralmente, eu desenhava sobre o papel com um grafite azul, passava a tinta, e depois o nanquim colorido. Mas, resolvi inverter um pouco essa ordem, e passar o nanquim colorido antes. Mas, aí, vi que os meus nanquins coloridos são à base de álcool, o que fazia a tinta borrar na água. :( então testei o nanquim preto na unipin, que é à base de água, e deu bem certo, como podem ver. Eu gostava bastante de usar o nanquim colorido sobre elas, mas, por algum motivo, agora, estou preferindo assim... Vamos ver até quando....





Bom, sobre o tema da música, eu penei um bocadinho para escolher a música, por dois motivos. Um, que realmente é complicado escolher uma só, dentre tantas músicas que a gente ouve, né? E segundo, por que as músicas que eu ouço não são bem apropriadas para o meu estilo de desenho. Ou ouço muito heavy metal, grunge, hard rock... e tenho ouvido bastante o Van Canto (que lançaram o estilo metal à capela).. Enfim... no entanto, às vezes, eu ouço músicas mais leves também, como o primeiro álbum da Birdy (não curto os outros álbuns dela). E essa música tem uma letra muito fofa, por isso, acabei escolhendo ela.

O que eu desenhei se refere a esse trecho:

"It's a terrible love
And I'm walking with spiders
It's a terrible love that I'm walking with"
Eu procurei o significado da expressão "walking with spiders" porque eu nunca tinha ouvido falar, e a única coisa que encontrei foi uma interpretação da música que diz que ela (a expressão)
 refere-se a ansiedade e medo de se envolver num relacionamento (a música fala sobre amor). :)

Uma curiosidade: depois, descobri que essa música é, originalmente, de uma banda indie inglesa, os The National, que lançaram essa música em 2010, enquanto a Birdy lançou seu álbum em 2011. :)

E o que eu fiz, então, foi desenhar a rainha das aranhas. E aí, o porquê, vocês imaginem! xD
Aqui embaixo, deixo imagens dos detalhes, embora a segunda tenha perdido o foco x.x



Acho que caguei um pouco o drapeado da saia, mas gostei de fazer ela. Aliás, de refazer...pois já tinha desenhado ela antes, em 2012. haha

Bom, é isso. não deixem de visitar as outras lindas que estão participando do projeto:


Obrigada por acessar o blog! ♥ 
Me encontre também aqui: 

domingo, 3 de abril de 2016

Calendário: Abril é de Amora








Olá!
Tô passando rapidin pra trazer o calendário do mês de Abril, que veio com uma das minhas frutas favoritas xD espero que gostem!


Obrigada por acessar o blog! ♥ 
Me encontre também aqui: 
© 2016 BIAREYS.COM.BR ALL RIGHTS RESERVED. Tecnologia do Blogger.
© Bia Reys: ilustrações
Maira Gall