terça-feira, 10 de março de 2015

Referência: flores



Olá! Hoje vou falar um pouco sobre algumas uma das minhas referências para as minhas ilustrações, e como as utilizo, para quem sabe dar uma luz para quem estiver começando, assim como eu.

Quando eu estava no curso de design, tive duas disciplinas de fotografia (uma com câmera analógica, outra com digital) e uma das coisas que jamais vou me esquecer é do professor dizendo que sempre devemos cuidar o tema da nossa fotografia, além da posição do objeto (num outro post, falarei o que sei sobre composições) — o que dá perfeitamente para levar para a ilustração também.

O tema, neste caso, se refere ao quê a fotografia "fala". O quê ela está nos mostrando?
Nos desenhos, embora eu não pense muito sobre o que quero desenhar (na verdade, vou de acordo com o meu humor), eu sempre cuido a questão dos elementos que estão nele. Tem dias que estou afim de desenhar um peixe, então, vou lá e desenho um peixe junto com uma bonequinha. Às vezes, ou melhor, bastante, desenho flores. Então pego o papel e o lápis, e desenho flores, galhos, folhas...No geral, gosto de trabalhar com elementos da natureza.

Fazendo um comentário à parte, que me ocorreu agora, já vi gente tirando conclusões mirabolantes sobre alguns dos meus desenhos... É engraçado como algumas pessoas sempre perguntam: "o que significa isso?". E eu digo: nada. Mas tem gente que gosta de sair interpretando tudo... E isso é uma das coisas mais bacanas do desenho, ou arte em geral. Cada um pode tirar suas próprias conclusões. Isso me lembra que um outro professor meu, uma vez, citando Kant (filósofo alemão que estudava a função da estética, entre outras coisas) disse que esse é o papel da arte: incitar sentimentos nos outros. Se o teu trabalho não exprime nada, não é arte. Não sei se concordo plenamente com ele, afinal, tem pessoas mais sensíveis que outras. Um outro professor já pegou mais pesado, dizendo que tudo o que é produzido em massa, não é arte (e por isso dizem que Romero Britto não é um artista). Mas fica bem difícil nos dias atuais levar esse conceito adiante, afinal, temos réplicas de Da Vinci estampando canecas e mouse pads. Hehe. Enfim, não vou entrar nessa discussão sobre o que é ou não é arte, até porque nem eu sei!

Mas voltando ao assunto, então, sempre busco um banco de referências com objetos que posso incluir nos meus desenhos (como flores, peixes, animais, roupas...). Costumo criar pastas para salvar imagens que encontro no google, tumblr, we heart it... há várias outras fontes de referências por aí. ;) E elas se tornam quase que inseparáveis, pelo menos no início, para quem está aprendendo a desenhar. E o bacana de se basear em fotos, é que quanto mais a gente observa, mais ficamos atentos aos detalhes — e eles ainda se tornam uma questão de opção. Quero dizer, você escolhe se quer ou não adicionar tais detalhes no seu desenho. Acho que isso varia de acordo com o traço de cada um também. ;)

Bom, eu tinha algumas flores diferentes salvas no meu computador, e resolvi dividi-las com vocês, para quem se interessar pelo assunto. :) Infelizmente, meu escaner está mais temperamental do que nunca. Tô com medo de ter que aposentá-lo. Já faz alguns bons anos que o tenho, tadinho... Acho que vou ter que começar uma vaquinha para comprar um novo. Eu queria ter trazido alguns rascunhos de flores que fiz para este post, mas não deu. E emprestei ontem mesmo a minha câmera para minha irmã. :/

OBS: nenhuma destas fotos me pertencem. Se por acaso você é dono de alguma delas, e não as quiser aqui, me envie uma mensagem pelo formulário ao lado, e a retirarei imediatamente. | Any of these pictures belongs to me. If by any chance you are the owner, and don't want it to be here, send me a message through the form on the right, and I'll withdraw it immediately. :)



















Nenhum comentário

Postar um comentário

Agradeço aos que reservarem um tempinho para comentar! ♥
Ah!, se tiver alguma sugestão de post ou quiser mandar alguma dúvida, ou qualquer mensagem, vou amar receber *-*

© 2016 BIAREYS.COM.BR ALL RIGHTS RESERVED. Tecnologia do Blogger.
© Bia Reys: ilustrações
Maira Gall