quarta-feira, 27 de junho de 2012

Livro: Julieta Imortal



Sinopse: Julieta Capuleto não tirou a própria vida. Ela foi assassinada pela pessoa em quem mais confiava, seu marido, Romeu Montecchio, que fez o sacrifício para assegurar sua imortalidade. Mas Romeu não imaginou que Julieta também teria vida eterna e se tornaria uma agente dos Embaixadores da Luz. Por setecentos anos, Julieta lutou para preservar o amor e as vidas de inocentes, enquanto Romeu tinha por fim destruir o coração humano. Mas agora que Julieta encontrou seu amor proibido, Romeu fará tudo que estiver ao seu alcance para destruir a felicidade dela. Segredos, mistérios e surpresas envolvem este poderoso romance em que o casal mais famoso da literatura mundial tem a chance de contar sua verdadeira história.

Nem preciso dizer que a capa é linda e maravilhosa, né? Desde o lançamento do livro, estou de olho nele, em parte por que sou fã de Romeu e Julieta, apesar de ter somente visto os filme. Vi todos :D e ainda pretendo ler o original de Shakespeare.

Mas, contudo, todavia, entretanto... a gente bem sabe que não devemos julgar um livro pela capa, não? Também não podemos julgá-lo pela sinopse (acho que já falei que sinopses podem ser tão enganadores quanto trailers de filmes)...

Eu não queria entregar spoilers, mas me vejo obrigada a fazer isso para poder contar bem minha experiência com este livro. Portanto, sintam-se avisados!

Antes deixe-me explicar que esse foi mais um dos tristes casos em que eu não li a sinopse antes de comprar! T_T Pois é, às vezes, isso AINDA acontece. Fico tão encantada pela capa, que acabo não lendo a bendita sinopse. Mas assim mesmo, acho que teria comprado o livro... Até por que ele baixou pra 9,90 no site da Saraiva...Uma pechincha boa. :)

Bom, pela sinopse já vemos que a autora viajou na maionese, transformando o clássico numa história do gênero fantástico, meio sobrenatural. Uma coisa que achei interessante, não necessariamente no bom sentido, foi que a Stacey conta que a historia do Shakespeare o final do romance é uma farsa. Segundo a autora, Julieta foi traída pelo Romeu, e que ainda a matou...

O primeiro capitulo começa com trechos do titulo original, creio eu (preciso verificar isso depois), intercalando com pensamentos da Julieta em seu ponto de vista. E, então, a história recomeça numa época mais atual, mas agora Julieta é uma espécie de Cupido, que tem a missão de unir casais. Isso mesmo! E enquanto isso, Romeu é um espírito maligno que trabalha para as forças do mal, e tem a missão de separar esses casais antes que as auras das pessoas se modifiquem — quando apaixonadas, as pessoas emitem uma aura vermelha. Nesse ínterim, é claro, ele também persegue a Julieta, pois deve matá-la para que os planos do mal vença.

A Julieta vive retornando à terra, fazendo possessões de corpos para auxiliar o casal que está destinado a se unir. E nessa "encarnação", ela se apossa do corpo de uma menina que sofreu um terrível acidente, quando pequena, e por conta disso carrega uma cicatriz feia no rosto. Ariel, uma moça tímida, retraída, e que caiu nas garras de um belo jovem, o Dylan. Só que o cara é o tipico americano playboy, metido a gostosão. O cara a convida para sair, apenas por causa de uma aposta (mega clichê), mas a Ariel acaba descobrindo os planos dele, e resolve bancar a vingativa provocando um acidente de carro, bem na hora em que a Julieta, na verdade, toma controle do corpo da garota. Dylan morre, e ela ganha apenas alguns ferimentos na cabeça. No entanto, no momento do acidente, instantes após a morte do cara, Romeu se apossa do corpo do rapaz também. Ou seja, também temos zumbis na estória!!!

Imagino que Shakespeare deve estar se contorcendo em sua cova. Sinceramente, não vejo motivos para ela ter se apropriado de Romeu e Julieta para criar essa estória. Ela poderia muito bem ter criado personagens próprios. Acho que teria ficado muito melhor, inclusive. Pois as comparações seriam desnecessárias. A cada página que lia, eu me contorcia ao ver o que foi feito das personagens! Me parece que ela apenas quis chamar atenção, ganhar alguma notoriedade a custas do romance original.

Mas enfim, o livro fica nesse pega-pega. Julieta, encontra um rapaz por acaso, e acaba se apaixonando por ele. Mas depois ela descobre que ele deveria estar com a melhor amiga de Ariel. E então, ela entra em crise por que ela se dá conta de que aquela vida que estava levando como Ariel, não era realmente dela. A família da Ariel, os colegas da escola... nada pertencia a Julieta. Eu acho que a autora poderia ter se focamos ainda mais nos problemas psicológicos da Ariel, para criar um estória mais consistente. Toda a questão da cicatriz dela, me pareceu ser apenas um pequeno desvio na trama; uma estorinha à parte. A mãe dela, também, me pareceu ter papel mais importante no inicio, quando a Julieta vê nas memórias da moça que elas tinham algumas desavenças, mas tudo se resolve muito simplesmente...

Bom, a estoria vai se desenrolando, até que lá pelas tantas ela descobre que o Ben, o rapaz por quem ela se apaixonou, não era destinado a ficar com sua amiga, como ela acreditava que fosse. E aí, eu fiquei muito "P" com a autora, por que fiquei o tempo todo torcendo para que uma reviravolta acontecesse, e ela dissesse que esse Ben, super gentil, atencioso, carinhoso, fosse na verdade o Romeu.

Mas não. ¬¬

Mais tarde, descobrimos que o Ben, que naquela época se chamava Benjamin, era na verdade o Benvólio — primo do Romeu, no romance original. Acho importante ressaltar que ele é uma personagem importante, na trama, por que é ele quem age (ou tenta, pelo menos) como o "apaziguador" da briga entre as duas família.

Se o Ben, na verdade, fosse o real Romeu — se assim fosse, pelo menos, daria para aceitar melhor o uso das personagens de Shakespeare. Sem falar que justificaria melhor o fato de ele amar a Julieta, levando em consideração que a autora fez parecer que ele sabia o tempo todo quem ela era, e o que tinha feito... (há algumas revelações no final, que não vou comentar aqui). Mas isso, infelizmente, não aconteceu.

Sei lá, eu achei meio fajuto. E o pior (?) é que a autora dá a entender que haverá uma continuação. Não pesquisei ainda pra saber se realmente haverá ou não, mas enfim... Não sei se vou me animar a comprar. Pelo que entendi, a continuação seria no ponto de vista do Romeu.

Falando de um modo mais geral, acho que posso criticar a fonte usada pelo diagramador. Achei bem cansativa. E a narrativa já não tem um fluxo muito legal... Há vários momentos em que a coisa parece se arrastar, e houve algumas partes meio confusas; precisei voltar páginas algumas vezes para entender bem o que estava acontecendo...

E é isso aí. Essa foi a minha experiência, mas pode ser que alguém discorde de tudo...

7 comentários

  1. Oie.
    Tenho que concordar com você, Amanur. Eu praticamente surtei para ganhar o livro(Isso que dá ainda ser de menor e depender dos pais), e quando ganhei BUUM acabou a mágica. Sério, eu sou fã das obras Shakespeare. Achei que ela iria mostrar uma versão mais sombria da estória, mas não ela enrolou tudo e teve a coragem de dizer que o maior amor de todos os tempos foi uma farsa. Se eu soubesse que ela iria transformar o pobre Romeu em desertor e a bela Julieta em alguém que só pensa em si mesma eu não teria pedido o livro.

    ResponderExcluir
  2. Néee?! Foi decepção total! Eu também, fiquei louquinha pra comprar o livro. Sempre que passava na livraria do shopping e via ele, me revirava do avesso para comprá-lo. Agora eu não pago mais que 20 por um livro. Espero ele baixar o preço pra comprar, pq tem coisas que realmente não valem a pena. Eu paguei trinta e tantos por um livro, e esses dias vi que ele tá à 20 pila, se não me engano. Com o tempo, os esses títulos vão baixando de preço. Acho que vale mais a pena esperar pra comprar depois, do que pagar um absurdo e se decepcionar T_T

    ResponderExcluir
  3. Eu fiquei muito put* quando eu li! Vi o livro ali na Saraiva e fiquei "Nossa! Preciso desse livro na minha vida!". Pedi de Natal, ganhei ele e uns outros lá (Pedi um que era muito idiota, nem te conto!)Terminei de ler, fechei o livro e disse: Que droga! Fiquei muito brava! Emprestei pra minha irmã e ela amou! Tipo, ela ficou com o Benvólio!! Eu queria que ela tivesse ficado com o Romeu (A minha irmã ficou feliz pq ela ficou com o Ben!) Eu não pedi muitos livros bons de natal... Bah, li um livro semana passada que acho que tu já deve ter visto nas livrarias (PQ TÁ EM TODAS AS LIVRARIAS!! TU OLHA PRA LIVRARIA E TÁ LÁ!!) A culpa é das estrelas! Caso n tenha visto, fala de uma garota com câncer terminal que vai viver mais alguns anos. Essa parte já foi o suficiente para eu entender que eu ia chorar! Chorei em todas as partes do livro! (Exagero, dane-se!)N sei se tu ia gostar, mas eu gosto de livros que me fazer chorar... Sei lá, eu gosto. Foi o livro que eu mais chorei, depois foi Beijada por um anjo 3 (Quase taquei o livro pela janela de tanto que eu chorei!) Amanur, tu tem Tumbrl ou Twitter? Eu só uso isso! Eu tenho o the-townsville.tumblr.com que é colorido (Townsville é a cidade das meninas super poderosas! *---*) e o a-thenas.tumblr.com (Sou muito fã da Deusa Atena!)Bem, vou me indo... Até!
    Bjuxxxxxxxx (Na boa, isso tá MUITO idiota, n vou mais fazer! Vou ficar só com o 'Até')
    Giovana

    ResponderExcluir
  4. Giovanaaaaa T___T desculpa, mil vezes, pela demora a te responder. T_____________T
    mas assim, te entendo totalmente. Esse livro foi pura decepção pra mim também! Eu ja vi esse A culpa é das estrelas sim, mas ele nao me chamou muita atenção nao. Não lembro de ter chorado lendo algum livro. So filmes mesmo.. aiuhaui
    Eu tenho uns 3 tumbrl.... vou de adicionar. ;)
    bjss :*********

    ResponderExcluir
  5. Amanur estou louca pra comprar esse livro! Você ja leu Julieta da Anne fortier? é muito bom, eu li a sinopse uma vez e amei(aqui na bliblioteca carandiru, se você vier em são paulo alguma vez, venha conhecer a biblioteca que fica no antigo carandiru, essa biblioteca é perfeita e pública). O livro é totalmente diferente do Romeu e Julieta que eu ja li, é muito bom mesmo, recomendo. beijão

    ResponderExcluir
  6. obrigado pelo aviso kkkkk não vou comprar esse livro não, mas o livro Julieta da Anne Fortier é muito bom, se você quiser ler.

    ResponderExcluir
  7. Oi, Juh!
    Eu não conhecia esse Julieta, não. Vou dar uma olhada, sim. E pode deixar que se algum dia eu for a Sampa, passo pela biblioteca publica! xD o/
    bjs :************

    ResponderExcluir

Agradeço aos que reservarem um tempinho para comentar! ♥
Ah!, se tiver alguma sugestão de post ou quiser mandar alguma dúvida, ou qualquer mensagem, vou amar receber *-*

© 2016 BIAREYS.COM.BR ALL RIGHTS RESERVED. Tecnologia do Blogger.
© Bia Reys: ilustrações
Maira Gall